Sistema Fecomercio Sesc Senac IPDC

Sobre a Flexibilização do Horário do Comércio Posicionamento da Fecomércio-CE

praça-do-fereira-tribuna-do-ceara

Sobre a Flexibilização do Horário do Comércio Posicionamento da Fecomércio-CE

O Brasil passa por um período de turbulência política e, como é do conhecimento de todos, isso tem refletido negativamente na economia e por consequência na esfera social. Empresários, trabalhadores, toda a sociedade vêm pagando um alto custo representado pela redução de investimentos, baixa produtividade e desemprego.

Mas, mesmo diante de um cenário desfavorável, o país não pode parar, precisa ter maturidade e coragem para mudar. Precisa inovar para competir, mas para tanto precisa se modernizar. Um dos caminhos para que isso aconteça passa pela modernização da nossa legislação que em alguns pontos permanece alheia ao dinâmico mercado de trabalho e às diferentes atividades econômicas.

A lei que está em pauta e que flexibiliza a abertura do horário do comércio é clara, não há obrigatoriedade para o comerciante abrir, mas dará ao empresário a possibilidade de funcionar se assim for interessante e beneficiar a todos, inclusive os trabalhadores e principalmente os consumidores. Significa competitividade entre as empresas, uma concorrência sadia e igualitária e mais oportunidades para o crescimento e desenvolvimento do setor.

A Fecomércio-CE (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) não concorda com algumas instituições que deturpam o benefício dessa lei para o trabalhador. A Fecomércio acredita que é necessário é combater a verdadeira precarização do trabalho, quando o trabalhador tem que adentrar na informalidade para sobreviver. As empresas do comércio de bens, serviços e turismo são as que mais empregam formalmente, proporcionando ao cidadão todos os benefícios e garantias sociais previstas em lei. Ademais, são os impostos pagos pelas empresas que contribuem para os investimentos públicos em educação e saúde.

A Fecomércio registra seu apoio e parabeniza a prefeitura de Fortaleza e a Câmara de Vereadores que decidiram acertadamente colocar a nossa cidade na direção do desenvolvimento e da geração de emprego formal. A lei, portanto, traz benefícios aos trabalhadores, empresários e todos os cidadãos de Fortaleza, assim como aqueles que vêm à nossa cidade para desfrutar das nossas belezas naturais e realizar as suas compras.

Empresas saudáveis geram desenvolvimento, crescem, abrem novos postos de trabalho e contratam mais, isso tudo em harmonia com as leis trabalhistas.

Voltar